Com uma área de 64 hectares, o Parque Natural Municipal Dom Nivaldo Monte garante a preservação da diversidade biológica e o equilíbrio dos ecossistemas em um dos principais aqüíferos da cidade, contribuindo ainda com a conscientização ambiental da população.

Situado na Zona de Proteção Ambiental – 1 (ZPA-1) o Parque Natural Municipal Dom Nivaldo Monte é uma Unidade de Conservação de Proteção Integral criada pelo Decreto Municipal N. 8.078/06, sendo admitido apenas o uso indireto dos seus recursos naturais.

A vegetação local, reconhecida como um remanescente da Mata Atlântica, associada a algumas espécies características do cerrado e da caatinga, constituem uma área que serve de abrigo para os animais silvestres, alguns deles endêmicos do RN e outros em vias de extinção, além de repercutir positivamente no micro-clima da cidade.

Parque das Dunas

As atividades de pesquisa, educação ambiental, visitação, recreação e turismo promovem um contato dos visitantes com a natureza, sendo estes os principais focos de utilização do parque, de forma a contribuir para o desenvolvimento sustentável, a manutenção da integridade ambiental e cultural da região, além de incentivar o interesse da população em proteger o ambiente.

Histórico

O Parque da Cidade foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemayer com a colaboração de Ana Niemayer e Jair Varela. A obra foi iniciada no final do ano de 2006 e orçada no valor de R$ 17 milhões. O macrozoneamento proposto no Plano Diretor de Natal estabeleceu as Zonas de Proteção Ambiental, as quais foram previstas para viabilizar a proteção dos aspectos naturais e culturais da cidade. O Parque, além de ser uma primeira experiência de gestão em ZPA, pode desempenhar a função de espaço destinado ao lazer ecológico, cultural e equipamento estratégico de promoção da educação ambiental.

Em homenagem a Dom Nivaldo Monte, Administrador Apostólico de Natal um homem da terra, amante da natureza, dedicado à botânica, que deixou como herança um admirável exemplo de vida, por seu apostolado em nome da paz, o Parque da Cidade do Natal recebeu seu nome. Fundador da Escola de Serviço Social de Natal, a segunda do Nordeste. professor, escritor e membro da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras.

Parque das Dunas

Importância

A importância do Parque se dá por sua relevância ecológica, sendo responsável pela manutenção dos processos ecológicos e pela proteção integral da área que é uma das principais fontes de recarga do aqüífero de Natal (cerca de 70% do abastecimento de água da cidade provém do subsolo), considerado um dos poucos reservatórios naturais ainda não contaminados em Natal.

Trilhas

As trilhas ecológicas são pavimentadas, com áreas de descanso e sanitários, já as trilhas interpretativas permitem o contato direto com a fauna e flora do local, penetrando no meio da mata. Esse turismo ecológico é uma das formas mais inteligentes de utilização do Parque, que reverte benefícios para a população da cidade, promovendo com isso a conscientização ambiental no visitante e ao mesmo tempo não agride o ecossistema da região. Existem quatro trilhas no Parque Natural Municipal Dom Nivaldo Monte, o visitante que participa das Trilhas tem a oportunidade, com a ajuda de guias especializados, de conhecer de perto toda a grandiosidade do ecossistema dunar, geomorfologia, a fauna e a flora do Parque, além dos atributos importantes para a nossa qualidade de vida (água, ar, clima).

Localização

O Parque está situado na Zona de Proteção Ambiental 1 (ZPA-1), com aproximadamente 64 hectares, abrange os bairros de Pitimbú, Candelária e Cidade Nova. A Unidade de Conservação, no contexto urbano da cidade, promoverá a integração de dois bairros com características socioeconômicas e ambientais distintas, sendo, portanto, um relevante instrumento de interação social.

RNIMOVEIS
OI - 84-98947-1265 TIM - 84-99655-7141 CLARO - 84-99405-8484

Notícias