A bordo de um rebocador, a governadora Wilma de Faria assinou na manhã desta quinta-feira, 13, decreto que denomina de “Ponte de Todos - Newton Navarro”, a ponte em construção sobre o rio Potengi, ligando a Praia do Forte à Praia da Redinha. “Foi uma decisão tomada após consulta à sociedade e ouvir os intelectuais norte-rio-grandendes”, afirmou a governadora Wilma de Faria. 

A decisão agradou aos intelectuais potiguares, presentes à solenidade, e, em particular, à viúva do homenageado, Salete Navarro. “Fiquei surpresa. Tinha esperança que o nome de Newton fosse escolhido, mas não tinha a certeza, por isso esta homenagem me surpreendeu. Conheço a sensibilidade da governadora, sua coragem. Newton tinha grande admiração por ela, por seu trabalho em favor da cultura potiguar”, disse Salete.

Para o jornalista e escritor Vicente Serejo, “a escolha do nome de Navarro é um ato de justiça”, por muitas vezes ele ter escrito e retratado em suas obras plásticas a beleza das duas margens do rio Potengi. Quanto ao desenvolvimento econômico da ponte para a zona Norte de Natal, ele comparou que assim como a Rota do Sol proporcionou o desenvolvimento turístico e econômico para o litoral sul, “a ponte Forte-Redinha vai deflagrar o desenvolvimento econômico de todo o litoral norte do Estado”, pontuou.

Com mais de 60% da obra construída, o governo estadual já investiu R$ 92 milhões na ponte, que tem conclusão prevista para o segundo semestre deste ano. O cronograma de serviços está sendo cumprindo à risca, mesmo depois que o projeto original foi modificado atendendo pleito da Capitania dos Portos, como foi o alargamento do canal de navegação de 100 para 180 metros.

A ponte construída pelo consórcio Queiroz Galvão/Construbase terá 1.800 metros de extensão e 21 metros de largura, com acesso sul pela avenida presidente Café Filho, próximo ao histórico Forte dos Reis Magos, e acesso norte pela avenida João Medeiros, na praia da Redinha.

A edificação é do tipo estaiado, com estrutura suportada por estais (cabos de aço). Seu projeto foi concebido com dois viadutos de acesso, e o vão central terá altura suficiente para permitir a entrada de navios para o Porto de Natal. A plataforma terá duas faixas de tráfego, duas faixas de segurança e uma faixa de pedestre em cada sentido.

Os deputados estaduais, Robinson Faria, presidente da Assembléia Legislativa, Márcia Maia, Nelson Freire, o deputado federal, Iberê Ferreira de Souza, e o vice-almirante Luiz Augusto Correia, comandante do Terceiro Distrito Naval de Natal, participaram da solenidade a bordo do rebocador, que fez o trajeto do cais da Base Naval Almirante Ary Parreira até a obra da ponte, à margem da Redinha.

Navarro – Artista plástico, escritor, poeta, cronista, contistas. Newton Navarro Bilro nasceu e morreu em Natal (1928-1992) foi, reconhecidamente, um dos artistas potiguares mais completos. Pintor e desenhista, sempre enalteceu em sua obra o rio Potengi.

Também se destacou na literatura, publicando nos mais diversos jornais e suplementos de Natal e outras cidades brasileiras. Publicou "SUBÚRBIO DO SILÊNCIO"(1953), "O SOLITÁRIO VENTO DO VERÃO" (1961), "OS MORTOS SÃO ESTRANGEIROS" (1970), "BEIRA RIO" (1970), "30 CRÔNICAS NÃO SELECIONADAS", "DE COMO SE PERDEU O GAJEIRO CURIÓ" (1978), "O PALHAÇO", entre outras obras.

 


RNIMOVEIS
OI - 84-98947-1265 TIM - 84-99655-7141 CLARO - 84-99405-8484

Notícias