Uma das obras mais importantes do Governo do Estado em Macaíba será inaugurada em abril. Segundo o vice-governador e secretário estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Iberê Ferreira de Souza, a Barragem de Tabatinga está com 80% das obras concluídas. A barragem deverá conter as cheias do rio Jundiaí e resolver em pelo menos 70% os problemas causados pelas enchentes no município.

"As obras na Barragem de Tabatinga estão aceleradas e vamos conseguir concluí-las em abril, caso não tenhamos chuvas com maior intensidade", afirma o secretário e vice-governador. O investimento na obra é de R$ 24 milhões. Quando concluída, o reservatório terá capacidade para conter 90 milhões de metros cúbicos de água. "É importante que se diga que esta barragem também servirá para abastecimento de pelo menos 58 mil habitantes e mais o distrito industrial de Macaíba", enfatiza Iberê.

INDENIZAÇÕES - Quanto ao pagamento de indenizações aos moradores que tiveram seus imóveis desapropriados, o vice-governador informa que Governo do Estado depositou, no poder judiciário de Macaíba, no dia 20 de dezembro de 2008, o valor de cerca de R$ 2 milhões referente ao pagamento de 130 proprietários de terra, onde está sendo construída a Barragem de Tabatinga, o que representa 90% dos processos de desapropriações. Os outros 10% estão em negociação.

"O poder judiciário está cumprindo os prazos que foram determinados anteriormente e nos informou que até o final de março serão expedidos todos os alvarás para pagamento das indenizações", disse Iberê. Ao todo, 146 imóveis estão sendo desapropriados numa área de 2.000 hectares.

Acesso a Betúlia será iniciado

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, autorizou o início da construção do acesso à comunidade de Betúlia, povoado atingido pela barragem. Além de dar acesso às propriedades na comunidade, a obra viabilizará o fluxo de transporte escolar na região. De acordo com o secretário, os trabalhos serão iniciados assim que águas baixarem. O Consórcio Marquise/EIT ficará responsável pela construção da nova estrada, que tem prazo de conclusão de 15 dias, caso não ocorram chuvas intensas no local.

Além do acesso à Betúlia, será executada a recuperação de uma via e construção de uma passagem molhada, permitindo o acesso às propriedades rurais da região atingidas pelas águas da barragem.


RNIMOVEIS
OI - 84-98947-1265 TIM - 84-99655-7141 CLARO - 84-99405-8484

Notícias